quarta-feira, 18 de maio de 2011

Comentários memoráveis - Desafio das listas

16/05 – Os comentários mais memoráveis que você já recebeu

Adoro comentários, todos eles. Mas "memorável" é para quem tem memória. Eu, que não tenho, vou ter que garimpar aqui. Eis alguns dos melhores:


1. Andréia disse... (no post Enquanto a fogueira ardia)
Uma graça! Vou ler com os meus alunos, da alfabetização. bjo, bjo.
(A parte memorável da história é que ela não só realmente leu com os alunos da alfabetização, como mandou todo mundo fazer um desenho sobre a história. E ficou de me mandar os desenhos pelo correio, mas deu algum problema no envio.)

2. Bruno Portella disse... (no post Pela Janela)
Tenho sempre a impressão que você cria uma narrativa do seu cotidiano, como se, aos poucos, transformasse sua vida em uma coletânea de contos. E com que delicadeza!
Este aqui é lindo. Eu leio literalmente e é lindo. E quando imagino que possa ser algo mais profundo, uma analogia pra algum fantasma seu um pouco menos colorido, ele continua lindo.

3. littlemarininha disse... (no post Insensível)
Meu, MUITO obrigada pela sua história! Peço inclusive autorização pra usá-la... mesmo achando que não poderei usa-la como gostaria. Enquanto lia, parecia que olhava num espelho. No final, então, nossa, até me arrepiei aqui!
Quando eu sinto alguma coisa, gosto de gritar isso, gritar mesmo, espalhar, dizer, mostrar, principalmente quando se trata de alguma coisa que me faz mal de certa maneira. Seu texto, por incrível que pareça, parece um grito meu agora. Não dá pra usar como gostaria, mas "usa-lo-ei" de alguma forma, hahaha. Com os créditos, claro!

4. V.H. disse... (no post Apenas Palavras)
Agora eu entendi. Se fosse um texto normal, teria poucos comentários. Mas aí você apelou e resolveu fazer uma verdadeira poesia em prosa, um laço completamente sincero sobre vida e arte, que qualquer pessoa que ame escrever consegue sentir, consegue viver. Uma declaração apaixonada sobre algo que você faz muito bem. 23 é pouco! Que a tua inspiração seja eterna.

5. Rob Gordon disse... (no post Em Branco)
Algumas pessoas têm uma página em branco e não fazem nada com ela.
Você? Você fez mágica nesse texto.
Gente, garimpando, encontrei tantos comentários fantásticos. Mas só pode colocar 5, então vão os mais significativos. Demora, mas é uma delícia ler tudo de novo.

Imagem: GettyImages

4 comentários:

disse...

Eu destacaria o do Marina Educadora e o do moço que falava difícil lá no início do blog. Estes sim ficam na memória

mas reconheço que estes aí são comentários muito mais bonitos :D

littlemarininha disse...

Digo e repito, seu texto parecia um grito meu. Na verdade, ele foi essencial pra que eu conseguisse por pra fora o que tava sentindo - num texto meu, realmente. Às vezes os gritos ficam entalados, vc acabou me ajudando a berrar =)
Outra vez, brigada!

Andréia Alves Pires disse...

Ahhh, Marinaaaaa! Foi problema de correio, mesmo... depois meu. Primeiro peguei uma greve de correio e não conseguia mandar o pacote. Depois, passei meses com o envelope na pasta e acabei não mandando. Mas vou rever isso! Vou procurar o envelope e vou repetir a atividade. Vou levar o texto pra ler com a turma deste ano. Aquela turma que trabalhou com a tua escrita já está no quarto ano! Quando menos esperares, o envelope vai chegar aí.. :) Bjooo!

Peterson Quadros disse...

Querida Marina,
Fazer um comentário sobre esses Comentários com “C” maiúsculo é difícil. Mas o legal é ver essa sua interação com seus leitores e o que você causa neles. Passei a ler as histórias que eles comentaram e o engraçado é que em alguns casos, a sensação que eu senti, foi completamente outra, porém não com menos intensidade. Sobre as dicas... A conclusão é que você soube muito bem utilizá-las. Obrigado pelo texto e abraços...