quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Poderia

Poderia falar desses dias: de sentir demais, de falar de menos. De nunca mais escrever; sem palavras, sem saber o que dizer. É isso, aquela que nunca ficou sem palavras por muito tempo, agora parece que as perdeu por completo.

Poderia falar do começo: de procurar pelo mundo, desistir e, então, avistar. De negar. De nunca lutar para ter, mas querer mesmo assim. De não correr atrás, mas andar sempre ao encontro de. De parar, exausta, e desistir de novo. Desistir de resistir.

Poderia falar dos deslizes: dos destoques, das desconversas, dos desencontros. Das músicas, de esperar, da vontade de encontrar e do medo do encontro. De sonhar acordada. E nunca dormir.

Poderia falar de mim. Mas talvez seja esse o problema.

Poderia falar de amor. Sim, poderia. Mas há muito perdi as palavras.

"The words will never show the you I've come to know"*

Imagem: GettyImages
*Música: If 

4 comentários:

Frederico Toscano disse...

Achei que não ia escrever mais nada nunca mais!
;)

littlemarininha disse...

Acho que você já encontrou algumas das palavras nesse texto. Espero que continue encontrando! =)
E que essas palavras aliviem um pouco a angústia que parece que vc vem sentindo.

Larissa Bohnenberger disse...

Perdeu não! Talvez elas tenham estado um pouquinho escondidas... Mas aos poucos elas vão surgindo novamente, este post é uma prova disso.

Não desanima!

Bjs!

11º Repensando a Prática Pedagógica disse...

saudade deste blog... bjo, flor! :)